23 de agosto de 2013 Morador do Japão em férias no Brasil apoia o +ID na 58ª Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos

Pela primeira vez a Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos participa do Movimento +ID (mais idade) de iniciativa da Ambev que na 58ª edição do evento tem a parceria com o ICDH – Instituto de Compromisso com o Desenvolvimento Humano, Centro Paula Souza e Os Independentes.

O movimento tem o objetivo de engajar o público que prestigia a Festa do Peão para evitar a venda de bebida alcoólica para menores de 18 anos. A iniciativa no Parque do Peão mantém uma equipe de 20 pessoas que vem abordando os visitantes nas catracas, solicitanto o documento de identidade e explicando a ação. Os nascidos até agosto de 1995 são carimbados no pulso com a identificação +ID. Com isso, os vendedores de bebidas tem conseguido identificar os menores de idade. A ação funcionou muito bem no primeiro final de semana do evento.

Jéssica Silva, que integra a equipe de abordagem, disse que a maioria dos visitantes apoia a iniciativa na Festa. Fernando Mukui Costa, brasileiro que vive há 15 anos no Japão, e de férias no país natal, e veio a Barretos pela primeira vez e afirmou apoiar a iniciativa do +ID. “Lá (no Japão) menores de idade são proibidos de entrar em eventos que vendam bebidas alcoólicas e o sistema é rígido. Aqui (no Brasil) com o jeitinho brasileiro para burlar tudo, iniciativas assim são importantes para ter esse controle”, disse.

O visitante da cidade de Santo André, Josiel Abreu, que participa da Festa pelo segundo ano, aprova também o +ID. “É difícil identificar quem é menor de idade só perguntando e muitos vão dizer que têm mais de 18 anos. E quando dá problema são os pais os responsabilizados, e esses muitas vezes nem estão junto dos filhos em eventos com bebida alcoólica”, enfatizou.

Na arena de rodeios há placas do movimento para lembrar o público que prestigia as montarias.

Fotos: Leandro Falcão
Texto: Milton Figueiredo- MTB/SP 72216

Tags: , , , ,